Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

Lendas

Por: Fox - Categoria: Gays

Antes de ler o conto saiba que esta história se passa no (omegaverse), se não sabe oque é isso vou dar uma rapida resumida mas saiba que neste universo é onde até homens podem engravidar.

Ômega= pode ser engravidado por um Alfa independente do seu gênero.

Alfa= reagem a feromônios liberados por ômegas, e conseguem engravidar ômegas.

Betas= nem alfa, nem ômega apenas um ser comum.

Cio= período de poucos dias em que o ômega libera mais feromônios, como de costume para seduzir um alfa.

Feromônio= cheiro único liberado por Alfas e ômegas.

Vínculo= acontece quando um alfa e um ômega sentem um forte afeto um pelo outro mesmo que por um único momento, um Alfa e um ômega com um vinculo não podem se afastar um do outro pois, o corpo de ambos sentem a falta um do outro. Caso se afastem e fiquem muito tempo longe um do outro isso pode levar a morte.

Bom vamos para o Conto: Lendas.

Meu nome é Fox, sou um dos poucos sobreviventes de uma raça chamada aether, nós aether somos seres quimericos meio humanos e meio animais. A 300 anos atrás, nossa raça foi quase toda extinta pelos humanos, eles tinham medo da nossa grande reserva de magia, afinal os aether são amados pela mana. E se não sabem oque é mana vou explicar, "mana" é o dado ao fluxo de magia no universo.
Os aether sobreviventes fugiram e criaram sua própria vila longe de tudo e todos, e esta vila cresceu e prosperou durante todos estes anos.

Vó: acorde Fox...ou vai se atrasar para o Ritual - ela falava de forma gentil enquanto me acordava.

Eu: ainda não entendo o porquê de eu ter que fazer uma coisa assim - me cubro com a coberta.

Vó: levanta logo Fox... ou vou puxar sua cauda - ela se senta ao meu lado.

Eu: você não teria a audácia de fazer isso vó - tiro a coberta apenas do meu rosto e olho para ela.

Vó: não duvide de mim Fox, a vó é imprevisível - ela sorri e puxa minha calda com tudo, me fazendo pular da cama.

Eu: que Dor meu, a senhora sabe como doi - meus olhos lacrimejaram de dor

Vó: bom já que acordou vai se arrumar e vem tomar café - ela sai do meu quarto sorrindo.

Eu: se está mulher não fosse minha vó, ela ia ver - falo baixinho.

Vó: eu ouvi Fox - ela grita da cozinha.

Eu: pensei que a idade a deixaria surda, mais parece que seus ouvidos estão mais aguçados - falo baixo novamente.

Vó: se continuar reclamando da vó, vou dar uma bela chinelada na sua cara - ela grita novamente.

Eu: vou ficar em silêncio então - grito do quarto para ela.

Me levanto e vou para o banheiro tomar banho e fazer minha higiene pessoal, logo após tomar banho e fazer oque tinha que fazer troco de roupa e vou para a cozinha tomar café da tarde, afinal eu dormi o dia todo e ja era quatro da tarde.

(Bom vou explicar como sou, tenho 1,68 de altura e um corpo magro mas definido, olhos vermelhos brilhantes e um cabelo negro como carvão que sempre uso repicado. Sou do clã das Raposas e este clã tem como membro apenas eu, minha vó e meu irmão mais novo fazemos parte deste clã, ja que o resto da minha familia morreu e minha vó nunca me conta como. Mas continuando como ja perceberam eu possuo cauda e orelhas de raposa, assim como minha vó e meu irmão o único defeito que odeio em mim é que sou um ômega, o unico ômega da familia.

Luke: você deveria ter acordado antes Fox - ele me olha sério

Fox: você dorme até a hora que quer e não faz nada e fala de mim - olho pra ele sorrindo com um toque de deboche

Luke: bom eu certamente faço mais que você Fox - ele me olha com deboche descaradamente

Fox: bom se você puder falar algo - tomo um gole de café e dou uma pequena risada.

Luke: graças ao meu dom de prever as coisas estou ajudando a vila e você ? - ele fala orgulhoso de si mesmo

Vó: chega vocês dois, e Fox você tem 22 anos nas costas e pelo no saco... e mesmo assim esta discutindo com seu irmão de 15 anos, me faça o favor neah - ela olha para mim brava.

Eu: desculpa - assim que me desculpo, vejo o Luke com uma risada no rosto

Vó: e você pentelho, seu dom pode estar aflorando mas isso não te torna mais especial que seu irmão, e tenha mais respeito que ele é mais velho que você - ela olha para ele brava

Luke: desculpa vó Sara - ele abaixa as orelhas

Vó: Fox toma café logo e vai para o Ritual e se puder, tira esse maldito piercing da sua orelha - ela fala brava mesmo

Eu: ja terminei meu café Vó, to indo - me levanto e dou um beijo na Buchecha dela e na cabeça do meu irmão.

Vó: vai com deus meu filho - ela sorri

Eu: Seu dom não previu nada pra mim Luke ? - sorrio

Luke: não mesmo - ele me olha querendo me matar

Eu: tchau então - saio correndo antes que ela perceba que não tirei o piercing.

Vó: Esse merdinha não tirou a porra do piercing - ouço ela gritando de casa

Assim que saio de casa vou rumo ao ritual, e para chegar no local onde o ritual será feito vou ter que andar muito, muito mesmo.

(NARRANDO POR NEO)

REINO DEMONÍACO...

Eu: que horas são? - falo com a gorata que estava me fazendo um oral.

Garota: não sei Príncipe, so sei que é hora de vocês atolar essa enorme rola em mim - ela fala batendo meu cacete na sua cara

Eu: ei vocês ai, sabe que horas são ? - falo pro casal tranzando ao meu lado.

Casal: são umas quatro da tarde cara - o homem fala.

Eu: ta falando sério? - falo com ele

Casal: por eu mentiria Príncipe Neo - ele fode a mulher com mais força

Eu: ACABOU VASA GERAL DO MEU QUARTO E DO CASTELO !!! - grito alto

Garota: mas porquê a brincadeira só esta na metade - ela sorri e enfia meu pau na boca.

Eu: eu sei minha linda, mas se você não quiser morrer pelos guardas do Rei é melhor vocês todos irem logo - ando ate minha cama e deito.

Garota: isso é sério? - ela me olha mais que assustada

Eu: ja menti pra você antes gata - acendo um cigarro e fumo.

Assim que ela e os outros perceberam que eu não estava mentindo sairam correndo. Após todos sairem eu fui tomar um banho e me limpar, minutos depois do banho estava pronto para tomar meu café da tarde.

Enquanto tomo meu café vou dizer como sou perfeito ( tenho 1,80 de altura e um corpo de modelo todo definido, olhos amarelos e um cabelo roxo que uso de forma selvagem, possuo chifres, cauda e presas de Demônio) como disse sou a perfeição em pessoa pois ainda sou um Alfa forte e Dominador.

Logo após tomar meu café encontro meu pai no salão principal do castelo e pelo rosto dele e da minha mãe, eles não estavam contentes.

Pai/Rei: Neo você sabe que é herdeiro ao trono não é mesmo ? - ele me olha sério

Eu: não fica de enrolação velho, fala onde quer chegar não to afim de ouvir discursos - olho para ele com raiva

Mãe/Rainha: respeite seu Pai Neo - ela fala sentada em uma cadeira de rodas

Pai/Rei: pois bem deixe-me falar então, você esta proibido de sair deste castelo sem minha autorização - ele aumenta o tom de voz

Eu: como se você pudesse me segurar aqui, vai a merda - olho para ele sério

Pai/Rei: respeite minha ordem meu filho, você é o herdeiro do trono e deve agir como tal - ele suspira

Eu: nunca pedi este trono imundo no qual você senta, se depender de mim vocês e esse reino podem queimar - falo me virando de costa para eles

Mãe/Rainha: não fale isso meu filho, meu maior sonho antes de morrer é ver você no trono como Rei - ela derrama uma lágrima

Eu: e meu maior sonho é que vocês morram - saio andando

Pai/Rei: porquê você não pode ser um pouco igual a seu irmão mais novo - meu pai fala alto

Eu: eu como ele - solto um sorriso debochado

Mãe/Rainha: porquê tem tanto ódio de nós ? - ela fala apertando o coração

Eu: pois vocês e ele são lixos que serviram apenas para me dar a Luz, e agora se me derem licença - assim que viro de costas minha mãe desmaia e o nariz e os ouvidos dela começa a sangrar.

Guarda: senhor oque devemos fazer - o guarda real que sempre seguia ele fala

Pai/Rei: leve ela para o quarto e chame a curandeira! - ele fala preocupado com a rainha

Sem me preocupar eu continuo andando em direção para a saida do castelo, mas no meio do caminho meu pai aparece em minha frente todo raivoso.

Pai/Rei: já chega de suas brincadeiras Neo, ou você assumi seu papel ou vai embora do castelo - ele fala com raiva

Eu: deixa eu pegar minhas coisas e vou embora - sorrio com ar de superioridade

Pai/Rei: você não tem nada, tudo oque você acha que é seu, na verdade é meu... você não tem cabeça e muito menos respeito conosco.

Eu: seus suditos podem de reverenciar, mas não sou seu sudito e vou fazer oque eu quiser - saio andando e meu pai me segura pelo braço

Pai/Rei: que sua mãe e seu irmão me perdoe, mas a partir de agora... EU "ARGO" REI DOS DEMÔNIOS TE EXILO DO REINO DEMONÍACO, E TE REJEITO COMO FILHO E HERDEIRO AO TRONO - as palavras dele ecoaram por todos os lados e a terra tremeu.

Eu: que merda você fez ? Filho da puta - olho para ele

Pai/Rei: antes de ser pai eu sou Rei, e como Rei já aturei suas travessuras demais... Adeus Neo - com um unico movimento de sua mão um portal se abre atrás de mim e ele me joga nele.

Antes do portal fechar a palavra "Decepção" ecoou forte.

(Casa do Fox)

Narrado por Luke.

Meia hora depois que a merda do meu irmão saiu, comecei a me sentir estranho demais.

Vó: você esta bem luke - minha vó me olha preocupada.

Eu: tem algo estranho comigo vó - falo colocando a mão na cabeça e logo depois olho para meus pés e penso estar vendo raizes nele.

Vó: oque você esta sentindo Luke - ela se aproxima de mim e na mesma hora alguém bate na porta

Eu: não sei Vó é como se uma enorme energia estivesse me ligando a varias pessoas - ela me olha estranho, e novamente batem na porta novamente.

Vó: entre de uma vez - ela coloca a mão em minha cabeça e respira fundo.

???: oi dona Sara, vim ver o Fox - ele fala enquanto entra.

Vó: foi ótimo você estar aqui Sieg, já vi isso acontecer antes - ela fala olhando sério para ele e na mesma hora ele olha para mim

Eu: oque ta acontecendo vó - começo a me sentir zonzo

Sieg: ele esta bem, parece meio pálido - sieg se aproxima de mim e coloca a mão em minha testa

Vó: isso é a mãe Terra avisando que vai dar uma profecia, ela esta conectando todos os videntes - ela fala como se tivesse passado por isso antes.

Sieg: mais isso só aconteceu a 300 anos atrás, antes de os humanos nos colocar quase em extinção - sieg olha para a vó de uma maneira estranha.

Vó: sim eu sei, mas desta vez é diferente pois a mãe terra esta avisando todos os reinos de uma unica vez - ela coloca a mão em minha cabeça preocupada.

Sieg: como sabe que a profecia desta vez é para todos os reinos ? - ele olha pra mim preocupado.

Vó: olhe os pés dele, as raises de mana estão se enrolando a ele como um cabo e o conectando a todos os reinos...e dessa raiz é possível sentir as energias de cada reino - ele olha para meu pé.

Sieg: isso são raízes de pura mana - ele fala assustado

Vó: algo esta acontecendo desta vez que vai poder levar todos os reinos a extinção - ela olha para Sieg e logo depois pra mim.

Eu: me ajuda vó - minha consciência vai se esvaindo.

Assim que minha consciência se esvaiu, me vejo jogado em um oceano de mana puro. Abro meus olhos e vejo varias pessoas ao meu redor e uma enorme luz aparece em nossa frente. Esta luz do nada começou a emanar uma voz.

Voz: MEUS FILHOS, AS TREVAS ESTÃO PERTO DE DESPERTAR...

Eu: de quem é esta voz doce... essa luz que esta falando ?...

Voz: CHEGOU O MOMENTO DE VOCÊS SE UNIREM... OUÇAM MINHA PROFECIA...

Eu: pro....fecia...

Voz: QUANDO O NOVO SILVER NASCER... SEGUIR SUA CHAMAS OS QUATRO PRÍNCIPES DEVEM, POIS APENAS JUNTOS O DRAGÃO DO CAOS DERROTARAM.

MINHA BÊNÇÃO OS QUATRO PRÍNCIPES TEM... E QUE A RAPOSA SEJA A LUZ NA ESCURIDÃO.

Quando a voz desapareceu a luz foi se apagando, e enquanto ela se apagava todos que estavam ali falavam que os aether foram extintos e se perguntavam como existia um Silver ?

Eu: os unicos aether raposas... que ainda existem são eu, meu irmão e minha vó...

No momento que falei, todos eles olharam para mim surpresos e antes da luz se apagar a voz fraca desta vez ecooa...

Voz: EU VÓS AMO FILHOS DA TERRA E DA MANA.

Aos poucos vou voltando a mim, e quando eu finalmente volto.

Sieg: Luke!....LuKE!!.... LUKEEE!!! - ele me da um tapa na cara forte me fazendo despertar.

Eu: se maldito isso doi - olho para o Sieg com raiva e logo depois vejo que estou no meu quarto

Vó: nunca pensei que as história fosse verdadeira - ela se levanta e sai do meu quarto.

Eu: eu acho que recebi uma profecia - coloco a mão na cabeça.

Sieg: você esta bem ? Seus olhos começaram a brilhar do nada, e você começou a transmitir a mensagem da mãe terra, mas logo depois desmaio.

Eu: estou bem sim, quanto tempo fiquei desmaiado ?

Sieg: uma hora e meia mais ou menos - ele cruza os braços

Eu: serio tudo isso ?

Sieg: sabe me dizer quem é esse Silver ?- ele fala todo curioso

Eu: não, só que é um aether raposa - olho para ele e fico pensativo

Vó: Silver é a raposa de nove caldas branca, apenas existiu uma até agora na linhagem das raposas - ela volta com um livro

Sieg: então o Silver ainda vai demorar pra vir, essa raposa deve ser filho do luke ou do Fox - ele olha para minha vó aliviado

Vó: na verdade não, Fox ja estava se tornando um silver desdo seu ultimo aniversário.

Sieg: oque o Fox ?

Vó: venho percebendo isso aos poucos, e tenho certeza que ja percebeu também, o cabelo e o pelo das orelhas e calda do Fox estão cada vez mais claros - ela fala respirando fundo

Eu: como assim vó ? - a curiosidade em meu rosto era evidente

Vó: nós raposas sempre temos como parceiros os alfas, para que nenhum ômega nasça, mas Fox foi uma exceção ja que ele mesmo sendo filho de alfas veio como ômega - ela se senta e abre o livro.

Sieg: Fox é um ômega ? - ele fica corado.

Eu: meu irmão é muita areia para seu caminhão Sieg !!! não pense besteiras com ele só pq sabe disso agora - encaro ele.

Sieg: mas não disse nada - ele fica bobo.

Eu: continua vó.

Vó: as raposas alfas são chamadas de raposas vermelhas e possuim uma enorme força e controle absoluto sobre o fogo... ja raposas Ômegas eram fracas e tinham uma enorme reserva de magia em seu interior pois eram muito amadas pela mana e foram chamadas de raposas negras... mas uma vez no Ritual uma raposa ômega renasceu como uma raposa branca de nove caldas, ela possuia controle sobre a Luz, uma enorme força e ainda era mais amada pela mana que as demais...

Sieg: não entendi porque raposas vermelhas e negras, o pelo das orelhas e caldas de vocês não são extamente vermelho e a do Fox não é apenas negra - ele fala confuso

Eu: a vó esta falando da nossa cor de aura e mana - olho para ele

Vó: exatamente Luke, mas a raposa Silver é branca tanto nos pelos como na aura - ela diz mostrando uma imagem no livro

A imagem mostrava uma aether bela com nove caldas e ela emanava uma forte luz.

Sieg: mas porquê vocês não queriam que um ômega nascesse ?

Vó: pois tinhamos medo de um outro silver vir.

Sieg: como assim.

Vó: um Silver quase matou todo nosso clã.

Eu: como assim vó.

Vó: nada vamos parar aqui, temos agora que ir atrás do Fox - ela se levanta

Seguimos ela até a sala e vemos ela pegar o Arco de ouro que ela sempre falava que era herança da familia.

Eu: oque você vai fazer com esse arco vó.

Vó: salvar seu irmão - no momento que ela fala a pele dela começa a rejuvenescer ate ela se tornar uma jovem mulher novamente.

Sieg: como você fez isso ? - ele fica surpreso com sua aparencia jovem

Vó: não é hora pra conversa vamos logo - a voz dela se tornou doce e melodiosa

No momento que estamos saindo Fox aparece chorando, ele estava com o cabelo branco assim como sua calda e orelhas.

Fox: vó eu to feio !!!!

Vó: você não se tornou selvagem ? - ela olha surpresa para ele

Fox: que selvagem vó, eu to monstruoso com esses pelos branco - ele corre chorando para dentro de casa

Eu: ele realmente se tornou um Silver vó?

Vó: Sim, tanto sua aura como magia se tornaram poderosas demais - ela olha pra mim sem reação.

Sieg: vou ver como ele esta - ele entra em casa.

Vó: ele conseguiu suprimir a selvageria com apenas a força de vontade, esse menino não para de me surpreender - ela começa a dar risada

(Narrado por Fox)

Eu: eu quero morrer - deito na minha cama e começo a chorar e me debater.

Sieg: você esta bem ? - ele entra no meu quarto sem bater na porta.

Eu: parece que Lobos não batem na porta - olho para ele chorando.

Sieg: oque quer dizer com isso - ele sorri

Eu: vai embora Sieg, não quero que me veja assim - me escondo embaixo da coberta

Sieg: se eu deixasse meu melhor amigo sozinho, me sentiria culpado depois - ele se senta ao lado da cama

Eu: to feio né.

Sieg: não, pelo que deu pra ver você ta até mais bonitinho - ele sorri e logo fica corado

Eu: você ta falando sério ? - descubro minha cabeça

Sieg: sim... ei Fox posso te perguntar uma coisa ?

Eu: fala

Sieg: porque nunca me contou que era um ômega? - ele abaixa a cabeça

Eu: não gosto de ser ômega, e outra porquê contaria para um Alfa que sou ômega? - olho para ele

Sieg: mas nunca senti seu cheiro, isso é estranho.

Eu: isso deve ser porque eu ainda não entrei no cio

Sieg: mas você ja entrou no cio antes ?

Eu: não porque ?

Sieg: estranho, ômegas começam a entrar no cio com 15 anos - ele me olha

Eu: minha vó falou que eu sou um ômega tardio - me escondo denovo

Sieg: entendi

Eu: você não esta pensando em merda neah - pergunto meio com medo

Sieg: não jamais, te vejo como um irmão mais novo - ele fica vermelho

Eu: sou apenas um ano mais novo que você bobão - sorrio

Sieg: então eu contínuo sendo o mais velho de qualquer jeito.

Eu: Sieg você pode me dizer porquê eu mudei no Ritual e você não ? - olho para ele

Sieg: o Ritual serve para mostrar a afinidade elemental da pessoa e o quanto a mana o ama, disse você sabe - ele me olha

Eu: isso eu ja sabia, eu quero saber o porque eu mudei... eu sei que você sabe o por que, por favor me conte - olho para ele com cara de cachorro sem dono.

Sieg: ta bom, é uma longa historia - ele começa a contar tudo que aconteceu após, eu sair de casa.

Eu: sério que isso aconteceu ?

Sieg: sim - no momento que ele confirma eu começo a dar risadas altas

Eu: EU SOU FODA PORRA, MEU NOME É FOX A RAPOSA SILVER - fico em pé na minha cama.

Sieg: acho que seu ego foi as alturas - ele da uma risadinha leve.

Eu: ESTA RINDO EM MINHA PRESENÇA, VAI PEGAR UM COPO DE LEITE COM BISCOITO PARA O SILVER HAHAHAHA - gargalho alto.

Sieg: cala boca animal - ele me da um tava na cabeça.

Eu: isso doeu demais - coloco a mão na minha cabeça.

Sieg: de qualquer forma vou para casa, tenho que avisar meu pai sobre tudo isso - ele se levanta

Eu: ser o filho do chefe da vila é difícil né - sorrio

Sieg: sim

Eu: AGORA VÁ MEU FIEL SERVO E ESPALHE MINHA GRANDEZA HAHAHAHA - assim que começo a gargalhar ele me da um tapa na cabeça de novo.

Sieg: você ta se achando demais - ele fala meio bravo

Eu: só tenho uma coisa a declarar, eu sou foda - cruzo os braços

Sieg: estou indo, vê se se cuida hein Fox - ele sai sorrindo

Após ele sair a vó entra com o Luke ao seu lado, e ambos parecem surpresos comigo.

Eu: tem algo de errado comigo ? E porque você usou essa magia de novo vó?

Vó: estou feliz que você não tenha se tornado selvagem Fox - ela sorri

Luke: como você está - ele me olha preocupado

Eu: to bem seu pivete de merda - olho para ele

Luke: oque você disse - ele vem em minha direção raivoso

Eu: ACHA QUE TEM ALGUMA CHANCE CONTRA MIM O SILVER HAHAHA - gargalho

Luke: vou tentar a sorte - ele pula em cima de mim e começamos a brincar de lutinha.

Vó: PAREM VOCÊS DOIS !!! - no mesmo momento paramos e sentamos um ao lado do outro.

Luke: ele que ta se achando demais vó.

Vó: Fox Arrume suas coisas - ela me olha serio

Eu: porquê?

Vó: amanhã você vai sair para encontrar seu destino e cumprir a profecia - ela respira fundo

Eu: não quero obrigado - sorrio

Vó: Fox quando o Ritual estava sendo feito oque você sentiu...

Eu: eu senti....

FLASHBACK.

assim que cheguei, eu ja levei um monte de chingo dos anciãos pois estava atrasado.

Ancião: porquê demorou ?

Eu: minha casa é longe daqui e outra eu acabei me perdendo no caminho.

Ancião: Não tem como se perder Fox, tenho quase certeza que você parou para comer na "barraca das Fenix".

Eu: desculpa eu não resisto a um "pão de queijo".

Ancião: Fox você sabe que esse ritual é importante não é mesmo - ele me olha serio

Eu: sei ancião, peço desculpas novamente.

Ancião: que seja, agora é sua vez vá e entre no círculo.

Eu: sim senhor - corro para dentro do circulo de pedras.

Ancião: podemos começar Fox ?

Eu: sim senhor.

Ancião: não esqueça de sempre manter a calma, pois iremos apenas ver o quanto a mana te ama e qual seu atributo elemental.

Eu: esta bem senhor.

Anciãos: ASTG MIR LUCT SATS

Assim que o cantico começou as pedras em volta começaram a brilhar forte e um pico de luz subiu aos céus.

Do nada comecei a sentir meu poder crescer de maneira gigantesca e transbordante em mim, e la no fundo eu senti que algo estava tentando assumir o controle.

Eu: pense forte Fox... você depois vai comer "pão de queijo" - falei comigo mesmo

Fechei meus olhos respirei fundo e fiz o possivel para manter a calma e pensar em "pão de queijo", mas enquanto estava de olhos fechados eu vi imagens de 4 pessoas. Eu vi o sieg envolto a chamas negras, um demônio de olhos amarelos na escuridão, um anjo sorrindo e um humano com sete esferas em suas costas.

Quando abri meus olhos novamente me senti diferente, os anciãos estava me olhando estranho e assustados para mim, então corri para um riacho mais proximo e vi que estava com o cabelo, orelhas e calda branca. Ai me senti feio e vim correndo para casa chorando, mas antes de vir eu fui comer na "barraca da fenix" para afogar as magoas

FIM DO FLASHBACK.

Vó: então ele conseguiu realmente suprimir a selvageria com "pão de queijo", o quão poderoso e tongo você é - ela susurra pra si mesma

Eu: eu ouvi isso vó, não sou tongo - faço bico

Luke: Fox tem que realmente ir vó - ele fala meio triste

Vó: sim meu filho - ela fala de forma calma

Eu: mais eu não quero deixar a vila vó - abaixo a cabeça.

Vó: eu te amo meu neto - ela se aproxima de mim

Eu: mas...

Vó: mas você deve seguir o destino que a Mãe Terra lhe deu - ela coloca a mão em meu rosto e beija minha testa.

Luke: eu não quero que ele vá vó, o Fox pode ser chato e irritante mas gosto dele perto - ele me abraça e chora

Vó: então vá com ele Luke, pois seu irmão ira precisar da sua ajuda em momentos difíceis - ela sorri

Luke: como assim ?

Vó: seu irmão é uma enorme criança adulta, por isso quero que vá com ele e cuide dele bem...

Eu: mas e a senhora ?

Vó: vou ficar bem meus netos lindos - ela sorri

Luke: tem certeza vó - ele faz care de bobo

Vó: sim meu filho, agora me faça um favor e compre umas coisas para a vó - ela da uma lista na mão do Luke.

Eu: pra que isso vó?

Vó: farei um supressor de Cio, pois é capaz de você entrar no cio pela primeira vez em sua viagem - ela sorri

Luke: sério - ele me olha bobo

Eu: OQUEEEEEEE ? - acabo desmaiando com este fato.

(DIA SEGUINTE.)

Entrada da vila.

Vó: conversei com os anciãos e eles vão abrir a barreira para vocês - ela fala com os olhos cheios d'água.

Eu: eu tenho que ir mesmo Vó ? - falo chorando

Vó: sim meu filho, e sei que a mãe terra vai te guiar.

Luke: a senhora vai mesmo ficar bem vó?

Vó: vou sim, e espero que cuide bem do seu irmão cabeça oca - luke corre para abraçar ela

Luke: eu vou vó - ele chora

Sieg: EIIIII ESPEREM POR MIM - ele vem gritando desde longe.

Eu: SIEG ?! oque faz aqui ?.

Sieg: como oque faço aqui, sua vó foi na casa do meu pai hoje de madrugada e disse que você iria sair da vila e explicou tudo para ele - ele fala sorrindo

Eu: é realmente ela me disse que foi pedir permissão para o chefe da vila - olho para ele

Vó: Sieg é considerado Príncipe dos aethers, por ser o filho do chefe da vila, ele é um dos Príncipes da profecia - ela olha para ele e o abraça

Sieg: vou tomar cuidado dona Sara, e vou cuidar dos dois - ele sorri

Eu: você não cuida nem de si mesmo lobo medroso - sorrio e faço uma cara de superioridade

Sieg: oque disse raposinha, não consegui ouvir - ele mostra a língua para mim.

Enquanto conversávamos uma enorme abertura se abre na entrada da vila, mostrando a floresta negra.

Vó: chegou a hora meu filho, sei que você seguira seu destino - ela derrama lagrimas

Eu corro e abraço ela junto do Sieg e meu irmão.

Eu: vou te deixar orgulhosa vó - faço um sinal de joia antes da barreira se fechar.

Após sairmos da vila andamos por horas na floresta, até que nós três sentimos o forte cheiro de sangue e resolvemos seguir.

Ao chegarmos em uma caverna encontramos um demônio dormindo com a perna ferida, e pela cor da sua pele dele devia ter perdido muito sangue.

(NARRADO POR NEO)

(Noite passada)

o portal acabou me jogando em cima de uma enorme floresta, e na queda um pedaço de tronco perfurou minha perna.

Eu: aquele maldito velho vai me pagar - me enconsto em uma árvore.

Respiro fundo e resolvo não tirar o pedaço de tronco da minha perna, para não ter perda desnecessária de sangue. Me levanto e mesmo com dor, vou caminhando até uma caverna onde me deito e tento reservar energia.

(Dia atual)

Acordo com alguém me cutucando e quando abro meus olhos e minha vista esta estranha e quando olho ao lado a primeira coisa que vejo é um menino feio com orelhas de raposa.

???: eai você ta bem ferido cara, eu sou Fox, o lobo ali é o Sieg e a pequena raposa é meu irmão Luke - ele sorri

Eu: sai criatura feia - falo fraco e com deboche

Fox: espera..... você me chamou de.... FEIOOOOOO!!! - ele parece ter ficado irritado

Sieg: devemos cuidar dele antes de seguir em frente Fox ? - o menino lobo pergunta para ele

Fox: não ele me chamou de feio, vamos deixar ele para morrer - ele sai de perto de mim e vai andando em direção a saída da caverna

Luke: ei garoto demônio, retira o que disse do meu irmão, se não ele não vai te ajudar - a pequena raposa fala baixo

Eu: eu um Príncipe não preciso da ajuda de um menino feio como ele - falo com ignorância e aponto pro menino feio.

Fox: você me chamou de FEIO novamente - ele me olha com ódio, querendo me matar.

Sieg: Fox você é bem bonito viu não ouça ele, agora vamos ajudar esse menino mimado - ele fala sorrindo para o garoto feio

Eu: você me chamou de mimado, menino cachorro - olho para ele sério

Sieg: você me chamou de cachorro ? - parece que ele também ficou bravo

Eu: sim vira lata - falo quase desmaiando.

Sieg: eu vou te matar - ele vem na minha direção mais o menino feio segura ele.

Enquanto eles discutia eu acabo desmaiando..

Continua...

So para quem quiser saber, o foco da história não sera muito nas lutas, mas sim em romances.

Comentarios
Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Ficha do conto
foto avatar usuario Fox
Por: Fox
Codigo do conto: 14435
Votos: 1
Categoria: Gays
Publicado em: 23/11/2018

×

OPS! Para votar nesse conto voce precisa efetuar o login


Fotos do conto
Foto 1 do conto: Lendas




Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2021 - club-columb.ru - Todos os direitos reservados


contos crossdressingconto erotico professora escolacontos de coroasA pizzaria fase 3 parte 7 casa dos contos eroticosCont erot sentar no coloconto apanhado pela avo a comer a tiaIdosa contos eróticosminha primeira vez virgindade contoshistorias de sexo incestocontos eroticos mãe e filhonovia cazada du bairo nu zoofiliaconto incestocontos eroticos gays com fotosContos eroticos traiçao flagrei minha esposa a gemer e a pedir mama tudo da minha conaconto gay erotico como virei travestiwww.contos eroticos vinhamos de uma festa eu e meu marido quando fomos fechado por uma moto com dois homens nos renderam e me violetaram na frente do meu marido .comconto mostrando o pau no onibusconto flagrado pela tia a comer a primaflagrei meu sobrinho e minha filha cintos eróticosCont erot sentar no coloevangelicas casadas fudendo com negros roludos contosconto esposa lingeriecontos eroticos ingenuacontos eroticos fetichecontos vai ser corno porq nao queriaconto erotico adolesentes fudida contta vontadecasa dos contos zoofiliacuckold cornocomendo a irma ate fugundo do quarto pornocontos bisexuaisContos zooo reaisconto erotico estuprada na fazenda por varios gozando forte em minha bocavirgensinhaobrigada a fazer xixi contosEra matuto, mas...relato erotico feminino/casaismodernosconto erotico bissexualcontos eróticos crossdresserCONTO CUZINHO DORMIcontos erotico rapaz virgem meu vizinhocontos xxxmeu filho cheira minhas calcinha contoswww.contos eroticos flha rabuda casada padrasto Contos eroticos corno ajudei o coroa a encochar minha esposa ate ejacular na sua bundaingenua contoscontos eroticos cuzinho rosinha levando pau pretocontos eroticos corno mansoconto ensinando sobrinho dotado a comer um cuzoofilia contos bichaconto humilhando o brochaConto erotico da rabuda exibicionistaultimoscontoseroticoscontos eroticos acampamento com a mamaeconto erotico sentadacontos de insextoConto troca troca mais gostosoconto erotico cadelinha do namoradocasa do conto eróticoscolocou silicone e foi chifrar o marido contos xxxcontos eroticos 2015conto erotico gay gozando com língua no cu/webfonts/fa-regular-400.ttfconto minha mae me flagra comendo a minha tiao pescador negro me fisgou contocontos porno gay mijadoconto erótico mae filho praiacasa dos contos filhoconto erotico maecontos de incesto com fotoscontos reais de zoofiliacontos eroticos velha senhora/conto/60/Exibida-e-liberada.htmlcontos eroticos de incestolésbicas contoscontos erodico asubrinha inocentecomtos eroticos traicao com barmenmeu irmao gozou em mim dormindo contosQuando ele me beija e dedilha minha xoxota piscacontos eroticos de zoofiliapegei minha mae pelada e bati uma punheta ela gozoucontos eróticos enorme pica do jorjãocasas dos contos eróticosContos eroticos de coroasconto sexo gay com heteroconto erótico vesti cinta liga e decidi ser mulherConto erotico sou casada com um velho barrigudoCona-me fodeeee/conto lésbico eróticocontos eroticos lesbicos com fotosconto erótico lesbicocasa.dos contos eroticosContos gays meu tio coroa tinha um jumento de cavalo eu flagrei.contos eroticos na infanciacontos punheta irmacasasdoscontoscasadoscontosgayingenua contos