Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

Estrupada na lua de mel.

Por: casauser28596 - Categoria: Fantasias

Tudo aconteceu na minha lua de mel,casei de véu e grinalda,estava super feliz,assim como eu queria estavamos passando a lua de mel no Rio de Janeiro,éra o terceiro dia de uma semana no Rio,meu marido tinha sido muito carinhoso,e só perdi a virgindade no segundo dia,com muita calma e paciência,fizemos sexo bem devagar,pois tinha medo de me machucar,nunca tinha transado só ficava nas brincadeiras. Bom éra o terceiro dia,as 19:00hs estava muito calor,decidimos sair do hotel,e dar uma volta na praia,e jantar no calçadão,ou no shopping,eu estava com um vestido colorido,bem curto,não sou nenhuma modelo sou morena clara,cabelos castanhos escuros,com 1:62 mas,um corpo perfeito,seios médios,e meu forte é minha silueta,com 62 cm de cintura,e 99 de quadril,tenho um bumbum pra ninguem botar defeito,passeavamos tranquilamente,quando um cara parou na nóssa frente,apontou o dedo e disse bem alto:-É você Adalberto? Já foi comprimentando e dando a mão,mas com muita educação meu marido disse que não,éra um engano,o rapaz não se conformava,dizendo não pode ser,é muito parecido,e coisa e tal,quando meu marido ficou quieto,olhei para lado,tinha outro homem atrás de nós,parou um carro na calçada e ele mandou todos entrarem,eu ia reclamar mas meu marido disse que eles estavam armados.Entramos no carro que éra quatro portas,e fomos seguindo em frente,o que estava armado disse que só queriam sacar dinheiro nos caixas eletrônicos,e fazer umas compras com os nossos documentos,infelismente,eu estava com minha bolsa,e meu marido com todos os documentos,entraram bem no shopping que iriamos jantar,e falaram:-Sua mulhersinha vai sacar dinheiro comigo nos caixas eletrônicos,e você vai com a galera pra favéla,se sua mulhersinha me desobedecer vocês se complicam,bom nisso olharam todos os documentos nossos,separaram os cartões com as devidas senhas,e eu entrei no shopping com um mulato forte e alto,e meu marido foi embora com os bandidos,combinaram se encontrar na favéla depois,eu e o mulato iriamos de onibus,e mais eu teria que fingir que éra namorada dele,ele tirou minha aliança,e colocou no bolso,e entramos de mãos dadas,me sentia muito mau,mas tinha que obedecer,a vida do meu marido estava em risco. Paramos no primeiro caixa eletrônico,enquanto eu sacava,o mulato segurava minha cintura,me dando uma léve encochada,e ele disse-Que bunda você tem amorsinho.Dando uma passada de mão de baixa para cima,repetil mais vezes,enquanto eu sacava dinheiro,fomos para outros caixas,sacar mais dinheiro,ele agora me segurava pela cintura,fazendo eu andar bem colada a ele,no caixa a mesma coisa,mesmo com gente passando,ele me encochava,e escorregava as mãos até minha virilia,sentindo minha calcinha na frente,eu não podia reclamar de nada,suas mãos deciam e subiam,da calcinha até a borda do soutiem.Continuamos assim por mais tres caixas,ele cada vez mais ousado,já estava até me dando mordidinhas no pescoço,fui reclamar que as pessoas estavam reparando,ele me olhou feio e disse:-Ta esquecendo da sua situação putinha.Fiquei calada pensando uns segundos,e pedi desculpas. Ficamos duas horas no shopping,fomos em varias lojas de moveis,e aparelhos eletrônicos,fizemos varios crediários,no meu nome,o no nome de meu marido,compramos tudo,geladeira,tv 29,cama,guarda roupa,e etc.As 21:30hs fomos até o ponto de onibus,enquanto aguardavamos o onibus ele me apalpava inteira,o tecido de meu vestido éra muito fino,éra como se eu estivesse sem nada,sentia um volume enorme encaixado na minha bunda,ele me virava de frente,de costa,me beijava,me alisava todinha,até que chegou o onibus,para meu azar lotado,entramos e ele disse que éra quase uma hora de buzão,para que eu continuasse direitinho como se fosemos namorados,não tinha quase lugar para segurar,eu com as duas mãos para cima segurando e ele me encochando a vontade,segurava na minha barriga,e as vezes decia a mão até minha buceta e eu afastava para trás me encaixando no seu pau super duro na minha bunda,ele me beijava o pescoço,e as vezes me fazia virar para um demorado beijo de lingua,as pessoas olhavam mas achavam que éramos namorados,e foi assim por quase uma hora.Chegamos no destino,um lugar cheio de favélas,ele disse para eu me comportar,e fomos andando,andamos uns 10 minutos e chegamos em um barracão que parecia ter uns 3 andares,parte de tijólos,parte de madeira,entramos todos estavam vendo televisão,olhei éra um filme erótico,a mulher chupava um pinto enorme,e eles falaram-:Senta ai gostósinha,enquanto conferimos os lucros desta noite.perguntei do meu marido e eles falaram que estava no andar de cima,para eu ficar bem quietinha.Demoraram uns 5 minutos e terminaram dando risadas,um olhou para mim e disse-Bom agora só falta a putinha trabalhar pra fechar a noite com chave de ouro.-Senti um calafrio,quando os tres olhavam para mim,e disseram.-Olha este filme,preste bastante atenção,você vai ter que fazer igual,senão vamos encher seu marido de porrada até matar.Engoli seco olhei o filme,a mulher transava com 3 de uma vez,um na boca,um no rabo,e outro por baixo na buceta,mandaram eu assistir o filme enquanto bebiam cerveja,foram 40 minutos de nojerá naquele filme gosaram varias veses na boca da mulher,eu já estava me sentindo mau,ai um deles falou:-Vou tomar banho,vem comigo princesa.Relutei e levei uma bofetada na cara,levantei rapidinho e fui com ele,que parecia ser o chefe um negro enorme,entramos num banheiro pequeno,mau cabia nos dois,e ai começou a sacanagem,o cara mandou eu tirar toda a roupa dele,quando baixei sua calça quase tive um chilique,seu pau éra imenso,o drobo do meu marido,baixei sua cueca e ele mandou eu tirar toda minha roupa,eu estava bronzeada da praia,e pior tinha feito depilação a laser aquela que é definitiva,tinha só um bigodinho na bucetinha,tava toda depilada,ele se maravilhou e mandou eu começar a dar banho nele,lavei aquele pintão que mau conseguia pegar,pois já estava duro,depois dei um banho completo,sentia muita repuguinancia,e ele toda hora gritava para que eu fizesse com vontade,até que ouvi o que não queria,ele disse.-Agora eu vou te lavar putinha.Foi horrivel ele passou a mão em todos os lugares,me ensabou toda,eu chorava baixinho,ficamos ali mais uns 10 minutos e ele me enchugou e me embrulhou numa toalha pegou-me no colo e mesmo nu foi até a sala e disse para os outros:-Vou dar um trato nessa gostosa lá em cima,depois éla é de vocês,precisam ver que bucetinha,quando terminar com éla vai tar bem laciada pra vocês bater fundo nesse rabo,ah,ah,ah,ah,ah.Todos deram muita risadas e subimos,quando entrei vi que éra um quarto muito bonito e bem cuidado,ele disse que quando suas vitimas eram bonitas aquele éra o seu ninho do amor,que transava a vontade pois ali tinha tudo,desde muitos lubrificantes,até drogas para dopar as teimosas,ele gostária de saber se eu iria por bem,ou.....Naquéla hora queria desmaiar,mas disse a ele que faria tudo o que ele mandasse,então começou a pior noite da minha vida,ele deitou de costa na cama e mandou eu chupar aquele pinto enorme,fiz da melhor forma possivel,mas não tinha muito jeito,eu éra praticamente virgem,mais aos poucos ele foi me dando ordens e eu fui aprendendo,fazia coisas nojentas,mas mesmo assim o meu medo éra maior,chupei aquela rola por uns 20 minutos,então ele segurou minha cabeça e disse.-Muito bem!To gostando de ver,agora vou te ensinar a dar essa bucetinha.Me deitou de costa na cama,e caiu de boca na minha buceta,por estar muito bem depilada,aquele maldito enfiava a lingua dentro da vagina a vontade,mamava na minha buceta,depois sugava,aquilo começou a me dar praser,mesmo eu não querendo,comecei a ficar umida,e aquela lingua não parava,ele enfiou o dedo na vagina,lambusou bem e em seguida enfiou no meu cuzinho,fazendo eu me levantar,de dor,e praser,enfiou o dedo até o fim,e mamava e sugava minha buceta,fazendo eu me lubrificar toda,ai ele parou,abril bem minhas pérnas enfiando os braços por baixo délas,fazendo com que eu ficasse na posição de frango assado,já éra,tava ferrada,ai levar um tronco daquele tamanho,fechei os olhos,e comecei a sentir a cabeça arrebentando,rasgando minha buceta,foi indo,foi indo até que entrou com muita dificuldade,parecia que estavam me dividindo ao meio,a dor éra suportavel,mas acho que minha preção baixou,pois desmaiei por alguns minutos,acordei com ele bombando em mim,parecia um teremóto,sentia minha vagina enorme,toda preênchida,e ele num ritmo alucinante,gosou logo,senti muita porra quente na vagina,quando ele vagarosamente tirou o pau,senti minha buceta toda arreganhada,escorrendo porra,ele deitou do meu lado e disse,vai putinha,chupa e deixa meu pau limpinho,com muito medo,fui devagarsinho,pois estava dolorida pra me mexer e comecei a mamar de novo,ele foi me dando instruções e eu chupava de todas as maneiras,coisas que jamais me imaginei fazendo,logo seu pau já estava duro novamente.Para minha tritesa ele disse que agora me ensinaria a dar o cú,fiz uma cara de pavor,minha buceta tava toda arrebentada e ele queria meu cú,não aguentaria,pedi para fazermos outras coisas,faria de tudo,disse que ainda éra virgem atrás,mas não teve acordo,ele foi até um armário pegou uma embalagem,mandou eu deitar de bruços,obedeci com muito medo,tremia mas ele abril minhas pernas levantou minha bunda,e começou a lamber meu anus,deu um trato de uns 10 minutos,eu novamente senti praser,aquele bandido sabia transar muito bem,ele parou pegou o frasco e começou a passar um creme em meu anus,enfiou o dedo até o fim,depois dois,parecia que meu anus estava adormecido com o produto,então ele medeu um pedaço de borracha e amarrou na minha bouca depois explicou:-Seu cú ta fechadinho,uma delicía relaxa morde isso que não quero gritária,sua sorte é que passei um lubrificante anestésico pra você aguentar,eu adoro um cú feminino,ainda mais éssa bunda que você tem vou me acabar nesse rabo.Gelei ele sem dó colocou duas almofadas grandes na minha barriga mandou eu abrir as pernas,ficou passando mais lubrificante,e admirando fazendo varios comentários do meu rabo,alisando,mordendo de leve,até que deitou sobre meu corpo,seu peso éra enorme para mim,apontou a cabeça de seu pau e começou a enfiar devagar,eu mordi a borracha,mas a hora que ele começou a forçar não resisti,tentei gritar,mas o som saia abafado,meu anus começou a abrir,abrir,abrir,parecia que estavam me rasgando no meio,senti tontura,a dor éra insuportavel,novamente desmaiei,acordei não sei quanto tempo depois no seu colo,senti uma dor enorme,e ele me disse.-Ja gozei com você de quatro,agora quero assim.Eu estava no seu colo com aquele pau enorme todinho dentro de mim,uma dor horrivel,e ele bombava sem dó,15 minutos e ele gozou,me mordeu o ombro e disse:-Que cú gostoso você tem,podia ficar rica com ele.deitamos de ladinho e ele tirou aquela tora de mim,me senti imunda,peguei um lencól e me cobri chorando baixinho,mas ai ele me disse para descer e tomar banho,desci pois me sentia imunda,meu rego doia todo enquanto eu decia as escadas,estava toda esfolada,entrei no banheiro me deu uma pontada na barriga gaguei um monte,senti um grande alivio,estava tomando banho,bateram na porta e gritaram:-Abre gostosa,abre senão arrebento tudo.Quando abri os outros dois,o mulato e o outro,mais baixinho,já foram tirando a roupa e fazendo um sanduiche comigo,outro pesadelo começou,ficamos 15 minutos de sacanagem no banheiro,ai fomos para o quarto,dois de uma vez seria demais,pedi para me deixarem ir,mas sem acordo me encheram de lubrificante no rego então passei a tomar um tremendo chá de pica,começou com um boquete pro baixinho,e o mulato tava tarado por meu rabo,me colocou de quatro e meteu até o talo sem dó,apesar de ter o pau menor do que o negrão,eu estava toda machucada doia muito,mas ele metia fundo,suas bolas batiam na minha buceta toda dolorida,depois decidiram fazer uma dupla penetração,sentei no pau do mulato,e o baixinho me empurrou para frente e penetrou sem dó no meu anus todo esfolado,o mulato mordia meus peitos,o baixinho beliscava e dava palmadas na minha bunda sofri muito,gozaram a vontade,depois tive que pagar um boquete para o baixinho que fez eu engolir toda a porra,depois o mulato fez a mesma coisa,descansaram uma hora,fazendo eu dançar para eles,ou então ficando em posições contrangedoras para eles me alisarem,enfiando os dedos em todos os buracos que encontravam,anus,boca,orelha,vagina,embigo,naris,fui humilhada,descansaram e partiram para outra dupla,desta vez o mulato atrás,e o baixinho na frente,depois trocavam,ficaram quase uma hora bombamdo e se revesando,no cú,e na buceta,e na boca,eu estava acabada,e toda dolorida e eles não gozavam,acho que perdi a noção do tempo,quando gozaram e cansaram de mim,já estava amanhecendo,desci até o banheiro me vesti e com ordens do negão fiquei sentada na sala,perguntei se poderia ver meu marido disseram que não,só quando fossemos soltos,perguntei quando seria isso,o negrão folou em dois dias,eu fiquei louca da vida,então ele me disse que tinha que receber as coisas que compramos,e nos soltaria em seguida,perguntei o que faria nesse tempo?Para meu desespero ele respondeu:-Você vai ficar metendo com a gente esses dois dias.Assim foi minha lua de mel,fiquei mais dois dias metendo de todas as formas possiveis e imaginaveis,chegaram a por o filme porno e meterem os tres de uma vez,chupando o baixinho,o negrão na buceta,e o mulato atras,enfiando até as bolas,tudo que viram no filme fizeram eu fazer,no Domingo soltaram a gente na av em frente ao hotel,chamamos a polícia,e até hoje estamos pagando as dividas que ficaram,eu fiquei toda larga nos primeiros dias e não queria dar para meu marido de jeito nenhum,só transamos um mes depois,mas ele entendeu hoje não reclama mais pois sei fazer de tudo relacionado a sexo,transamos de todas as formas até ensino ele,mas lamento ter sido estrupada na minha lua de mel.

Comentarios
Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Ficha do conto

foto avatar usuario casauser28596
Por: casauser28596
Codigo do conto: 7096
Votos: 1
Categoria: Fantasias
Publicado em: 12/08/2014

×

OPS! Para votar nesse conto voce precisa efetuar o login

Mais contos desse usuario

Fui obrigada a fazer filmes pornograficos.

Assalto no condominio.

Assalto no condominio ll


Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2020 - club-columb.ru - Todos os direitos reservados

Online porn video at mobile phone


cass dos contoshistórias de zoofiliacontocornocasacontoseroticoscontos eróticos de incestoconto eroticos incestoa casa dos contos eroticoscontos casacasa dos cornoscontos ertconto de zoofiliazoofilia contoscasa dos contos zoofiliacasadoscontos.com.brcontos eróticos com imagenshistorias de insestoconto porno com fotoconto bicasadoscontos.comcontos eroticos mãe e filhocontos eróticosme comeram no onibuscasa dos contos.comcasa dos contos estuproconto no onibuscontos eroticos crossdressercontos de encestocontos eroticos lesbicos com fotosconto erotico estrupadarelatos eroticos por codigocontos eroticos fui estrupadacontos eroticos bicontos reais de incestoscontos eroticos com fotos reaiscontos de travestiscomendo a prima contocontos eróticos por categoriaultimos contos de incestocasadoscontocasa dos contos erotivosmelhor conto eroticocontos eroticos casacontos eróticos melhoresconto zoofiliacasa dos contos.comcontos eroticos de fantasiascontos exibicionistascontos gay com fotoscontos eróticos swingultimos contos eróticoscontoseróticoswww.casadoscontos.com.brcasados contoscontos incesto realcontos eroticos grupalincesto conto eroticoconto erotico travesticontoseróticoscasadoscobtoscasafoscontoscontos eroticos coroascontos eroticos fetichescomi minha prima contos eroticosconto erotico zoofiliacontos eroticos fetichescontos eróticos crossdressercontos eroticos menagecontos eroticos incesto realcasa dos contos incestocontos exibicionistacontos de.incestocontos eroticos categoriascasadoscontcontos eroticos comadrecontos eroticos o maiortravesti contocasa dos contos cornocontos eróticos traiçãocontos eróticos gay ultimoscontos eróticos por categoriasingenua contoscontos calcinhacasa dos contos ercontos pornos incertoscasa dos xontos eroticoscontos de incesto recentescasa dos contos gaycontos eróticos travesticontos eroticos entre mae e filhacontos eroticos casa de swinglésbicas contoswww.casadoscontos