Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

Carnaval – Áries o Deus da Guerra nos uniu...

Por: Marcus - Categoria: Incesto

Olá meu nome é Mariana, 28 anos, 1,68 de altura, olhos azuis, morena de pele, corpo em dia, rostinho de boneca, e sempre muito desejada por homens e por mulheres nas baladas, mas sou do tipo seletiva, mas não resisto a uma boa abordagem, seja de homem ou de mulher. Em abril de 2006 participei de um carnaval fora de época, promovido por uma empresa de eventos e a convite de amigos, a festa foi realizada dentro de uma gruta, na cidade do interior de São Paulo , um lugar maravilhoso que já foi mina de exploração de granito e hoje abriga salões super espaçosos e um lago chocante. Uma festa quente, super agitada, Carnaval de Veneza, todo mundo muito produzido, máscaras estilizadas – que na verdade era o ingresso à festa e que em hipótese alguma poderia ser retirada, pessoas com fantasias chocantes, algumas mais ousadas e eróticas, mas no geral, um pessoal super cabeça.
O carnaval a mil, bebida, azaração geral e de repente me aprece um “Deus Grego” um moreno, forte, másculo, coxas grossas, vestindo a fantasia de Áries o –Deus da Guerra -. Uma pena não poder ver o seu rosto... como não podíamos ver os rostos éramos atraídos literalmente pelo corpo, foi ai que entendi o sentido de carnaval – festa da carne -. Perguntei seu nome ao que ele respondeu : - Áries – o Deus da Guerra – rimos imediatamente.
Incrível foi à forma como ele chegou, dizendo que procurava a companhia ideal para aquela noite e que havia encontrado-a em mim. Disse-lhe como pode ter certeza que sou eu a pessoa certa, mais uma vez, fui surpreendida com sua resposta:
-Esse par de seios, essas coxas maravilhosas, essa bundinha arrebitada, esse cheiro gostoso, de fêmea no cio, com esse jeitinho gostoso é tudo que preciso para ter uma noite de prazer e êxtase total. Não tenho a menor dúvida, você a mulher da minha vida que fará dessa noite inesquecível.
Minha única reação foi dar um sorriso e a dele me dar um beijo e morder meu ombro e se esfregar em mim. Tentei resistir, empurrando-o, de na adiantou ele me abraçou por trás e mordeu suavemente meus ombros e minha nuca e encaixou seu pau em riste na minha bundinha, suas mãos fortes enlaçaram minha cintura e depois meus seios e fui levada para o canto da gruta, onde haviam depositado o material da equipe que promovia o evento. Num movimento rápido Áries me virou de frente, liberou meus seios e passou a chupá-los deliciosamente, sua mão tocou minha bucetinha já encharcada e com a outra apertou minha bundinha fazendo certa pressão no meu cuzinho, não agüentei, segurei seu pau, e que pau gostoso, fui procurando uma forma de liberá-lo e não contive um orgasmo, gozei na mão do deus da guerra.
Áries bastante ousado, rasgou e arrancou minha calcinha e colocou aquele pau maravilhoso para fora, num sorriso largo, me pediu para chupá-lo, não resisti e cai de boca em sua tora e lambi cada centímetro e fui até suas bolas enquanto o meu macho gemia gostoso, ele me levantou e começou a fazer ventinho na minha orelha me deixando toda arrepiada, e falou que eu ra uma delicia, um verdadeiro tesão de mulher e que minha chupada foi deliciosa, ergue-me em seus braços, posicionou sua rola na portinha da minha buceta, encostou-me na parede, beijou-me e começou a penetração, que delícia, que homem gostoso, como ele me comia maravilhosamente bem, com vigor, mas de forma delicada, havia algo de familiar em sua voz e em seu sorriso o que me deixou encantada com ele. Pedi para que ele enterrasse seu pau inteirinho na minha bucetinha e me fizesse gozar bem gostoso novamente, nesse momento ele deu uma forte estocada e voltou a chupar meus seios e senti sua tora inteirinha dentro e mim e subitamente seu dedo veio conhecer o meu cuzinho e foi bem recebido, tamanho era o meu tesão, que homem tesudo e atrevido.    Não deu para resistir e gozei novamente, enquanto gozava ele mordiscou meu peitinho e senti seu pau pulsar na minha bucetinha e num urro ele gozou dentro de mim. Ficamos grudados por um longo tempo e passamos a nos beijar, e nos beijar e morder com sofreguidão, eu chorava de tesão e falei que ele era o homem da minha vida, e que o queria todos os dias, pois eu nunca havia sentido sensações tão maravilhosas. Nos olhamos, sorrimos e após tantas juras e amassos, resolvemos tirar as máscaras após muita tensão e suspense, meu coração palpitava, pedindo para que atrás daquela máscara tivesse um rosto tão lindo, tão forte e gostoso como o corpo que eu acabara de deliciar, seguramente, Áries, pensava o mesmo, nos viramos de costas um para o outro e tiramos nossas máscaras, retomamos as posições com os olhos fechados e quando abrimos novamente, o inacreditável, surpresa geral era o meu irmão Tiago.
      

Comentarios
Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Ficha do conto
foto avatar usuario Marcus
Por: Marcus
Codigo do conto: 7908
Votos: 0
Categoria: Incesto
Publicado em: 12/08/2014

×

OPS! Para votar nesse conto voce precisa efetuar o login



Mais contos desse usuario

A viagem ...

Sozinha...me entreguei para meu irmão.

Que Supresa...Minha Irmã...Carmen

Minha Irmã -Comida Proibida na Semana Santa

Matrimônio com o Irmão

Carnaval - O Deus da Guerra nos Uniu...


Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2021 - club-columb.ru - Todos os direitos reservados


contoseroticosfotosconto tio fudeu sobrinha de dez anos fui arrombada e caguei na pica dele-contos eróticosultimos contos eroticos de incestoConto esfrega esfrega no coloContos eroticos incesto flagrei minha mae com o conslo e lhe ofereci meu cacete para ela chupar e beber leitinhoConto erótico toda marcadacontos bucetinha devagar enormecasa doa contos eroticosUm estranho me comeu a força no metrô conto eróticocontos eroticos marquinha de biquini da mamaecontos eróticos chupei o pau do encanador e gosteicontos gays padrasto calcinhapeidei na boca do meu namorado contocontos eróticos lésbicasesfilada conto eroticoConto erotico fodi gostoso a senhora gravida e gordaconto gay estupradocontos eroticos de traiçãocontos gay casa dos contosfui sentada no colo do meu irmao conto eroticoconto erotico cornocontos aposta nua condominioadoro me exibircontos eroticos lesbicoscontos fetichecontos eróticos de coroasTranso com minha prima a noite contos eroticoscimi cu da mamae contosestupro prostituta contorelatos de cornoscontos erótico de dediliando a conao velho comeu minha esposa no clube swing contosconto erótico de uma policial rabuda e casada comendo a irma ate fugundo do quarto pornocontos erotico homem gay da o cu ao seu cachorrocasa de contos eroticosconto comendo a vizinhacontos eróticos crossdressercontos gays pai metrôcontos eroticos com vizinhasconto gay usado pela maecontos chupei os mamilos da professoracontos porno trepado na frente do marido sei ele percebercasa doscontos eroticosconto erotico peito grandecontos incesto fodasconto erotico dei o cu para o ginecologistacontos minha empregada so dava pra mimcontos erotcos .. comeramminha bunda grandecontos erotico cheiro de pau de cachorrocontos eróticos verídicocontos pornos com fotosContos eroticos dei para meu dois filhos.conto erótico categoriacasa dos contos.comconto erotico traição por curiosidadecontos eroticos padrinhowww. contos eroticos filha casada rabuda contos eroticos de incesto de pai e filha com muitas falasminha namorada minha bezerra/conto/12783/Dominacao-Tantrica-O-Inicio.htmlúltimos contos gaycontos eroticos ultimos contoscontos eróticos verídicocontos er casaiscontos de.incestominha mae e os garotos da rua contoscomi minha prima contoMinha esposa contocontos eroticos feticheCaralho a deitar muito esporrocontos eroticos com primo do meu marido veio passa tempo conoscocontos eróticos sequestroconto erotico consolando velhinho contos amigo apertadinhacontos eroticos gratisa casa dos contos eroticosultimos contos eroticosconto insestocasa dos contos eroticos ultimoscasa doa contos eroticosconto erotico consulta expostaconto esposa pousadacontoseroticos com fotocasa doscontoseroticoscontos demorou mas comi o cu delaincesto contos eroticosbati uma namorada contos